Saturday, October 25, 2008

O que eu almocei na quinta-feira

Deliciosa Salada Fria de Massas à Karamelo:


Ingredientes (pela ordem dos ponteiros do relógio, começando ás 12):

-Queijo flamengo fatiado (delicioso)
-Mistura de massas - massa-cotovelo grossa, aquela tipo parafuso (fusili) de várias cores/sabores, lacinhos (farfale) tb ás corzinhas. Um cadixito de pimenta moída por cima (no fim de cozer, passar por água para tirar a goma, e deitar umas gotas de azeite e algum sal)
- Deliciosos Cogumelos Salteados em Azeite, Alho e sal
- Bloco de Fiambre de Perú Assado assado no forno, cortado em cubinhos. Elevado grau de deliciosidade.
- Rodela de Cebola ("delicious") cortada aos cubos.
- Meio tomate (chucha? deve ser) às rodelas, sem grainhas (só são boas se o tomate for de qualidade, como este é de plástico marca Jumbo ou Continente, é preciso tirar as safadas)
- Rodelas de Chourição, provavelmente Jumbo ou Pingo-Doce (os melhores são aqueles que libertam aquele líquido meio avermelhado, tipo gordura... grau 12 na escala de 1 a 5 em Deliciosismo)
- Rodela de Mortadela (daquela simples, sem azeitona) enrolada
- Peito de Frango Churrasco com cerca de uma semana - delicioso.

...que maravilha que foi saborear este prato!

6 comments:

Josue said...

Acabaste com os restos todos lá de casa? :D

o karamelo said...

lol, chamemos-lhe "limpeza selectiva de restos"

A said...

o ultimo ingrediente é aquele que unifica o prato todo numa deliciosa mescla de alimentos.

Brain Estruming said...
This comment has been removed by the author.
Brain Estruming said...

ESTA COMBINAÇÃO DE INGREDIENTES FAZ-ME DESEJAR TER UMA BOCA
SINTO O MESMO DESEJO QUANDO LEIO SOBRE DORITOS E PRINGLES PARECEM-ME SER UM BOM COMPLEMENTO PARA QUANDO ESTOU A EXTERMINAR FOREST IMPS NO FINAL FANTASY

o karamelo said...

Quanto ao ultimo ingrediente:
Acho importante dar um toque de requinte a cada prato que faço, neste caso através da inclusão de um ingrediente constituinte de um prato tradicionalmente português, em avançado estado de maturação (ainda é comestível apesar de já ter sido confeccionado há mais tempo do que aquele permitido pela ASAE)

O amor descrito pelo brain surpreende-me sempre; ainda mais por a descrição que efectua deste se aproximar tanto do meu conceito para o amore, e eu até nem sou um blog auto-consciente... ou serei?